73 respostas para Manifesto por um espiritismo kardecista livre.

  1. Garru Joao Luiz Garrucino disse:

    Por que pastores evangélicos estão se matando? Fascinação (“capetas”) explica este risco para todos ou 90 ou 99 % do Brasil e do planeta gerando males atuais.
    https://www.linkedin.com/pulse/por-que-pastores-evangélicos-estão-se-matando-capetas-garrucino/?published=t&fbclid=IwAR3znQp-M0iEIfosHNVXrsS_eISMACFei0vUa5WZA1rQYhISm1thGNcP50o

    Curtir

  2. Almir Del Prette disse:

    Francamente o texto é péssimo! É inacreditável a linha de argumentação seguida pelo autor. Parágrafos enormes, mal organizados, com expressões que se repetem. Não há nenhuma argumentação que minimamente possam ser sustentadas, tanto em termos de lógica, como de ciência. Afirmações que buscam sustentação na física quântica enquanto “comprovação científica” revela ignorância entre hipóteses e leis.

    Curtir

  3. Pingback: Cartas à Manu: Definitivo mesmo são suas experiências de amor e tolerância. – Manoel Fernandes Neto

  4. Vanusa Lima da Silva disse:

    […]Seja Allan Kardec, não apenas crido ou sentido, apregoado ou manifestado, a nossa bandeira, mas suficientemente vivido, sofrido, chorado e realizado em nossas próprias vidas. Sem essa base é difícil forjar o caráter espírita-cristão que o mundo conturbado espera de nós pela unificação. […]
    Bezerra de Menezes

    Aí está uma grande dificuldade nossa ainda: viver Kardec.

    Curtir

  5. Pingback: Podemos adjetivar o ESPIRITISMO? | Blog da ABPE

  6. Pingback: Cartas à Manu: Definitivo mesmo são suas experiências de amor e tolerância. - Manu Fernandes

  7. Pingback: O Espírita e o conceito de igualdade entre os seres humanos! | Blog da ABPE

  8. Aristobulo Pinzon disse:

    Como conciliariamos este escrito con la visión propuesta?:
    “Precisamos de la doctrina del Espiritismo, del Cristianismo puro, a fin de controlar la energía mediúmnica y ponerla en favor del perfeccionamiento espiritual a través de la fe religiosa, tal como controlamos a la electricidad en beneficio del confort humano.”
    – En los dominios de la mediumnidad.

    Curtir

    • Dora Incontri disse:

      Por que temos que alinhar nosso pensamento com o livro Nos domínios da Mediunidade? Justamente o nosso ponto é que não podemos e não devemos aceitar cegamente tudo o que venha dos espíritos, por qualquer médium que seja. Esse era o critério de Kardec.

      Curtir

Deixe uma resposta para Almir Del Prette Cancelar resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s